A importância da cadeia fria nesse processo!

Na edição de março do Jornal Estado de Minas, o tema abordado foi a distribuição das vacinas contra a COVID-19 no Brasil, pois hoje o país tem tido lentidão no processo e falhas nessa distribuição, além de temperatura e conservação das doses feitas incorretamente.

Para esclarecer as dúvidas, nossa Gerente Técnica e Estratégica em Cold Chain, Liana Montemor concedeu a entrevista ao Jornal e afirma “Agora estamos nos deparando muito com o tema, mas a Cadeia do Frio é algo que existe há muito tempo no Brasil, pois todo e qualquer medicamento e vacinas transportados por aqui, por exemplo, exigem análise criteriosa e protocolos rígidos de manuseio, contudo os erros e falhas nesta cadeia impactam diretamente na falta de imunização da população”.

A Organização Mundial da Saúde (OMS), divulgou que cerca de 50% das vacinas em todo o mundo são desperdiçadas, principalmente, em decorrência de problemas na temperatura. Liana disse ainda que “é triste ver um país perdendo a eficácia de uma vacina por quebra da Cadeia do Frio e temperatura

Acompanhe a entrevista na íntegra, clicando aqui#VacinaJá
Veja todas as soluções do Grupo Polar no site: www.grupopolar.com.br
Nosso contato: (11) 4341-8600

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here