Boas práticas de fabricação de medicamentos – RDC 301/2019

As RDC’s (Resolução de Diretoria Colegiada) são normas regulatórias, cujo objetivo é atribuir responsabilidades às empresas do setor regulado e profissionais envolvidos a fim de garantir requisitos mínimos de boas práticas, com intuito de que os produtos e serviços produzidos por estas e destinados a população  possuam qualidade, segurança e eficácia. No Brasil estas normativas são determinadas e fiscalizadas pela a ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária).

A RDC 301/2019  (Dispõe sobre as diretrizes gerais de Boas Práticas de Fabricação de Medicamentos ) foi publicada em 21 de agosto de 2019 em substituição a RDC 17/2010 . A modernização desta normativa vem de encontro a necessidade brasileira de se adequar as legislações internacionais como forma de tornar o país mais competitivo diante de um cenário de constante inovação e busca pela melhoria da qualidade dos processos, possibilitando maiores oportunidades de exportações para a Industria Farmacêutica Brasileira.

Importante ressaltar que diversas normativas brasileiras têm passado por este processo de modernização como as normativas que envolvem a área de transportes (RDC 430/2020- Dispõe sobre as Boas Práticas de Distribuição, Armazenagem e de Transporte de Medicamentos.
O Grupo Polar busca constantemente se adequar a todas estas obrigatoriedades visto que participamos efetivamente da cadeia que envolve medicamentos, produtos cosméticos, produtos para saúde, produtos biológicos e diversas outras áreas da saúde.   

Dentro deste contexto durante o mês de outubro o departamento de Qualidade ministrou o treinamento anual de Boas Práticas de Fabricação com o propósito de manter todos os colaboradores do Grupo Polar conscientizados sobre a importância de nossas responsabilidades quanto ao atendimento ás Boas Práticas de Fabricação para melhoria dos nossos processos, atendimento as expectativas dos nossos clientes mas principalmente para que todos se conscientizem que no final da cadeia há a vida de alguém ou seja, os impactos que o não atendimento das Boas Práticas podem gerar no paciente.

Confira o relato das facilitadoras deste treinamento:

Lais Silva | Qualidade
“O Grupo Polar é uma empresa que está totalmente inserida na área da saúde, precisamos ter a consciência dos nossos papeis e responsabilidades no fornecimento de produtos e prestação de serviços, com alto nível de qualidade, sempre visando a saúde de quem está na ponta, ou seja o paciente final! Participar deste treinamento foi muito gratificante, pois muito mais do que ensinar tive a oportunidade aprimorar meus conhecimentos e ter um olhar mais apurado com relação as Boas Práticas de Fabricação!”

Maria Eliane | Qualidade
“Estamos inseridos enquanto empresa em diversos ramos de atendimento a área da saúde e é de fundamental importância que todos os nossos colaboradores estejam capacitados e engajados para atender altos padrões de excelência em qualidade que estes produtos precisam atender porque ao final da cadeia temos diversas vidas envolvidas.

Eu acredito que somente conhecimento nos leva a enxergar além das possibilidades, então poder dividir um pouco deste conhecimento com nossos colaboradores foi muito gratificante. Eu ganhei a certeza de que precisamos estar cada vez mais capacitados (todos nós) para cumprirmos nosso papel de entregar o melhor ao nosso cliente.

Quer saber mais sobre a RDC 301/2019, clique aqui e baixe o conteúdo completo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here